Resenha: Tempest

Título: Tempest
Autor(a): Julie Cross
Páginas: 352
Editora: Jangada
Ano: 2012
Compre agora!

Em 2009, o jovem Jackson Meyer descobre que pode viajar no tempo. Durante os seus “saltos” para o passado, nada muda no presente. Isso era apenas uma diversão inofensiva, até que sua namorada Holly morre durante uma invasão à sua casa. Em pânico, ele consegue voltar dois anos, mas descobre que ficou preso no tempo. Desesperado para voltar e salvar Holly, Jackson resolve tocar sua vida em 2007 e tentar descobrir o que puder sobre suas habilidades. Não muito tempo depois, as pessoas que atiraram em Holly, membros de um grupo apelidado pela CIA de “Inimigos do Tempo”, vêm a sua procura para recrutá-lo ou matá-lo. Com tudo isso acontecendo e Jackson ainda tentando encontrar pistas sobre as origens de sua família para descobrir mais sobre suas habilidades, ele precisa decidir até onde está disposto a ir para salvar Holly e possivelmente, o mundo inteiro.

 É o ano de 2009 e Jackson Meyer tem total convicção sobre seu dom de voltar no tempo; com a ajuda de seu melhor amigo Adam tenta desvendar os mistérios dessa habilidade cuja qual não conhece muito ainda, somente que esses saltos para o passado não altera o presente. Só que ele não é o único que sabe sobre isso, nem mesmo o único que tem essa habilidade, e isto ele descobre da pior maneira possível quando dois homens invadem o dormitório de sua namorada e, depois de abordar a eles dois, a mata. Jackson fica em pânico, pois não consegue nem ajudá-la já que inevitavelmente acaba fazendo um de seus saltos naquela ocasião, que o leva para o ano de 2007. Até aí tudo bem, mas a notícia ainda pior é que ele não consegue mais voltar pro ano de 2009, ele fica preso em 2007, que vira seu ano base, tendo que viver no lugar de seu eu mais jovem, ou melhor, reviver seu passado sem saber o que fazer, sem saber se Holly, sua namorada, morreu, nem como fazer pra voltar pra 2009. Imagine só essa situação!!!
Primeiro Jackson faz o que qualquer pessoa faria: tenta de qualquer jeito voltar para 2009, mas ele acaba descobrindo que em todas as tentativas ele só acaba retrocedendo cada vez mais no tempo, e sempre acaba voltando pra 2007 no final. Quando se dá por vencido, ele decide ir atrás de seu amigo nerd Adam, que sempre foi seu confidente a respeito dos saltos no tempo. E também conhece a Holly mais nova, sua namorada em 2009. Já que ele não pode mais voltar no tempo, que tal matar a saudade e conhecê-la um pouco mais quando os dois ainda não tinham se conhecido? Além disso Jackson também descobre coisas sobre seu pai não ser um homem qualquer, mas alguém da CIA. UUUH!!!! Tenho certeza que assim como eu você vai devorar o livro toda empolgada e curiosa.
O livro é todo em primeira pessoa, narrativa esta que eu adoro. É fácil de ler, porém as coisas são um pouco complicadas no começo, esse negócio de ano base, salto completo, voltar no tempo, a gente fica meio confusa no início, mas depois vai pegando as informações no decorrer das páginas e entrando na história. Eu simplesmente adorei o livro, e acho que vai dar um excelente filme. Não é aquela coisa só romance, tem ação todo o tempo, suspense, é uma coisa estilo o filme "Efeito Borboleta", tem até uma parte que é bem parecida, o que me deixou bem chateada.
Confesso que essa coisa de ficar voltando toda hora no tempo estava me deixando zonza, eram sempre as mesmas coisas, e depois ele voltava pra um ano, e retornava pro outro, e as coisas nunca mudavam, porque ele não alterava o presente, uma confusão só que já estava me deixando tonta. Mas todas essas voltas serviram pra deixar a pulga atrás da nossa orelha e também desvendar todos os mistérios, mas aviso logo que só no final do livro que a gente tem certeza das coisas, pois até lá você vai desconfiar muito de todo mundo, principalmente do pai do Jackson. rs E eu confesso que o livro acabou e continuo desconfiando do pai dele, pois teve uma cena no começo do livro... é... prefiro não comentar, mas se você souber do que estou falando e quiser debater comigo, pode ficar a vontade, vamos trocar uma idéia sobre o livro. rs
É isso gente, livro recomendadíssimo! Como eu disse antes, o livro já teve seus direitos comprados pela mesma produtora da saga Crepúsculo, e logo, logo, estará aí nas telonas, então aproveite pra ler antes disso acontecer. É muito bom, cheio de ação, mistérios, e tem romance também, viu? E ainda tem muita coisa por vir nos próximos livros.

Triologia Tempest:
Tempest – Tomorrou is Today (conto – prequel) – 2011 (EUA)
1. Tempest
2. Vortex - 2013 (EUA)

Nota:
O motivo de eu dar 4 estrelinhas é por causa dessa premissa de saltos no tempo. Estava me entediando um pouco, eu queria saber logo o final; sou muito ansiosa pra ficar nesse enrola-enrola. rs

Deixaram recados na parede do Toalete:
2 comentários:

  1. Gostei muita da sua resenha! Acabei de assistir ao filme looper que também trata de viagens no tempo e acho que este livro também daria um ótimo filme. Muitos pessoas falam que este tema está mais do que manjado porêm na minha opinião o que interessa é o script e se ele apresenta algo novo e criativo como eu percebi na resenha porque não ler. Abração!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...