Resenha: Beijada por um anjo #4

Título: Destinos cruzados
Série: Beijada por um anjo #4
Páginas: 288
Ano: 2011
Autor(a): Elizabeth Chandler 
Compre agora!
Um ano se passou desde que o namorado de Ivy, Tristan, morreu. De lá para cá, ambos seguiram em frente – Tristan para o outro lado da vida e Ivy para o doce e adorável Will. Agora, ela espera somente esquecer o horror do passado, deitar-se na praia com um copo de limonada e sair com seus amigos. Mas então, um acidente de carro põe fim à vida de Ivy. Enquanto ela flutua no além, se deparando com a vida que ela deixou para traz, Tristan a faz retornar a vida com um beijo apaixonado. Ivy acorda no hospital, cercada por Will e sua família, mas tudo o que ela consegue pensar é no amor que perdeu. Mas não são apenas as lembranças de Ivy que voltaram do passado. E dessa vez ela não tem certeza de que o amor possa salvá-la.

Se você pensa que este é o fim, está muito enganada. No final deste livro, a autora deixa claro que muito mais está por vir. Esse livro ganha uma reviravolta... é de enlouquecer qualquer leitor. rs
Vamos por partes. Neste livro faz um ano desde a morte de Tristan. Apesar de Ivy adorar Will, ela sabe que nunca irá amá-lo como amou Tristan, a quem ela ainda não esqueceu. Ela, Will e Beth vão para Cape Cod trabalhar no chalé da tia de Beth. Lá Ivy conhece a prima de Beth e a amiga dela que muito se parece com sua amiga Suzanne, que aliás, não foi com eles pra lá por ter ido viajar para tentar superar a morte de Gregory. Logo no começo do livro,  Kelsey e Dhanya decidem fazer a brincadeira do tabuleiro oui-ja e conversar com espíritos. Beth é a única a ir contra, enquanto Ivy se deixa levar pela vontade das garotas. A brincadeira não termina muito bem, e desde esse dia coisas estranhas começam a , tendo Beth várias impressões de que algo muito ruim está para vir.
Uma delas acontece quando Beth e Ivy sofrem um acidente na estrada. Ivy tem certeza de que morreu e esteve com Tristan, mas por algum motivo acorda no hospital praticamente ilesa do acidente, o que os médicos definiram como uma verdadeiro milagre, e com a sensação ainda viva nos lábios do beijo que recebera de Tristan em sua experiência pós-morte. No hospital Ivy conhece um dos pacientes a qual apelidaram de João - apelido carinho para João Ninguém - por ele ter perdido a memória, e que fora encontrado na beira do mar depois de ter aparentemente se afogado.
Depois de receber alta, Ivy conversa com Lacey sobre a experiência que teve após o acidente - siiiiiiim, a Lacey está de volta, louca como nunca. Porém ela não aparece com tanta frequência. -, e fica sabendo pela anja que Tristan não deveria ter feito aquilo, sobre ter dado o beijo, que ela chama de Beijo da vida, pois sofreria sérias consequências. Que consequências seriam essa? Nem Lacey, nem Ivy sabem, mas esta teme por seu amado.
Se as coisas entre Ivy e Will já não estavam bem, depois do acidente ficam ainda piores. Com a proximidade da data da morte de Tristan, Ivy fica cada vez mais distante e confusa, ainda mais depois de uma de suas consultas no hospital, quando esbarra com o tal do João ninguém que praticamente a obriga a retirá-lo de lá. Ivy se vê cada vez mais envolvida com João, não só por querer ajudá-lo a recuperar a memória, e por sentir pena dele, mas principalmente por ele parecer tanto com Tristan.. Situação esta que além de aumentar ainda mais a distância de Ivy e Will, ainda irá colocá-la contra seus amigos que tentam alertá-la sobre João não ser confiável, principalmente Beth, a sensitiva, que não tem uma boa impressão do rapaz.         
Só tenho uma coisa a dizer depois desse resumão do que irá encontrar neste livro: a autora brinca com a nossa mente o livro inteiro. Tudo bem que você tem uma certa desconfiança sobre o que você só vai descobrir no final dele, mas mesmo assim, tem horas que ela te desperta um monte de dúvidas: será mesmo o que você está achando? Você passa a desconfiar de todos os personagens. Muito legal. Eu já esperava e não esperava o final, entende? rs 
Olha, gente, sou meio suspeita pra falar da série, porque eu a adoro. É perfeita. Amei o livro, e pelo que andei vendo pelo Skoob, sou uma das poucas pessoas que acharam o livro isso tudo. rs Mas quando eu o terminei de ler, só pensava em começar a ler o próximo. Nossa! EU adoro esse livro. A narração é simples, mas tão gostosinha de se ler que eu literalmente entro na história. Só tenho que recomendar a vocês que leiam o livro e tirem suas próprias conclusões.
Massss, pra quem não gostava antes da série, acho que vai continuar não gostando, pois ela continua do mesmo jeitinho de antes. :/ 
aaaah, e um aviso pros que irão ler o livro: não se deixe levar pelo começo. É meio paradinho mesmo, mas depois melhora. :D

Nota:

Deixe seu comentário na parede do Toalete!
0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...