Diários do vampiro - o confronto

Título: Diários do Vampiro - O confronto  
Volume:  
Editora: Galera 
Autor: L.J. SMITH 
Número de páginas: 224 
Preço: 29,90

Compre já! 

O amor pode matar
Elena conseguiu o que queria: Stefan é seu. Por outro lado, sua semelhanca com Katherine faz com que ela seja irresistivel tambem a Damon - e ser amada por dois vampiros pode ser fatal.
Depois de ceder a Elena, Stefan acredita que o amor pode redimi-lo. so que a chegada de Damon o faz temer pela vida de sua amada, e ele a cerca de cuidados. Mas, conseguira Stefan protege-la de si mesmo?
Damon escolheu Elena para ser sua companheira nas sombras, e a atracao entre os dois é invegável. Belo e charmoso, ele se aproveitará de tudo e todos para conquistá-la. E nao irá se arrepender depois. 

Antes de comecar a falar sobre o livro eu quero avisar que essa resenha apresenta spoiler sobre o primeiro livro (que já resenhamos aqui), principalmente sobre o final dele.

Como lemos no último livro, Stefan virou o principal suspeito pela morte do Sr. Tanner, professor de história, depois que as mortes em Fell's church começaram a acontecer justo quando ele chegou a cidade. Elena tem um terceiro encontro com Damon que dessa vez diz quais são suas verdadeiras intenções com ela: torná-la como ele; e ele está disposto a tudo para tirar Stefan de seu caminho.
"Elena se virou e engasgou. Ele estava bem atrás dela, tão perto que as roupas de Elena roçaram nele quando ela se virou. A essa distância, ela devia ter sentido outro ser humano parado ali, sentido o calor do corpo dele ou tê-lo ouvido. Mas Damon, evidentemente, não era humano."
Elena fica desesperada tentando proteger a si mesmo e a Stefan que está muito fraco desde o incidente com o irmão. Neste contratempo, Ela começa a receber bilhetinhos anônimos com trechos de seu diário perdido, trechos em que ela revela saber de algum segredo sobre stefan (o que pode complicar ainda mais a situação dele na cidade), e se desespera.
E Damon não perde oportunidade para aparecer e virar o mundo de Elena de cabeça pra baixo. Até frequentar as festas do colégio ele começa. Mas ao invés de repulsa, há alguns momentos que Elena sente uma atração que não consegue explicar.   
Ela não teria virado a cabeca. se ele tantasse beija-la naquela, ela teria deixado. mas de repente a dureza de seus braços se derreteu em volta dela e o rosto dele pareceu se toldar. era como se a escuridão o levasse de volta. depois asas negras bateram no ar e um corvo imenso estava voando. 
Eu confesso que enrolei pra ler o livro, e não estava muito animada pra comecar a lê-lo, mas desde que comecei eu não consegui parar. O livro é fino, então você consegue terminá-lo "numa sentada". Eu li ele em tempo recorde, mas não só por suas poucas páginas, mas pelo suspense dele ter realmente prendido a minha atenção. O Damon está irritante como sempre (como era no comeco da série também), mas tem horas que a sensualidade dele acaba te conquistando, e você se vê desejando que a Elena se envolva com ele. Sim, eu desejei isso. Mas depois aparecia o Stefan e sua meiguice e eu ficava confusa, sem saber quem escolher (como se eu fosse a protagonista). rsrs
Achei o segundo livro muito mais real, os diálogos são mais coerentes, e a Elena caiu na minha graça, estou gostando mais dela do que a do seriado. rsrs
Enfim, o segundo livro só me fez me interessar ainda mais pela série do livro, e quero mais do que nunca ler o terceiro que deve estar "O livro" depois desse final sinistro. Os finais de Diários do vampiro são sempre inacabados, terminam do nada como se o livro viesse faltando páginas, o que aumenta ainda mais a sua expectativa pelo próximo, ainda mais se você for ansiosa como eu. rsrs

[..] Seu olhar continuou fixo no dedo de Elena, na gota de sangue brilhante na ponta. - E eu não posso... controlar...
- está tudo bem. - Sussurrou Elena, levando o dedo aos lábios dele de novo e sentindo-os se abrirem para pegá-lo. depois ela se curvou sobre ele e fechou os olhos.
A boca de Stefan estava fria e seca ao tocar seu pescoço. a mão segurava sua nuca enquanto os lábios procuravam as duas perfurações pequenas que já estavam ali. Elena esforcou-se para não se retrair com a breve pontada de dor. Depois sorriu. Antes, ela sentiu a necessidade agonizante de Stefan, seu impulso de fome. agora, pelo vínculo que partilhavam, ela só sentiu alegria e satisfação feroz. a satisfação profunda da fome sendo saciada aos poucos. seu próprio prazer vinha de doar, de saber que estava sustentando Stefan com a própria vida. Ela podia sentir a força fluindo para dentro dele. 
Nota:

pessoas leram esta resenha!

Deixaram recados na parede do Toalete:
7 comentários:

  1. O livro parece q ñ vai dar em nada.. mas depois é totalmente viciante......... o Damon é muito gostoso iaaiaiaiaiai na verdade no livro sou fã msm é da Elena.. adoroo
    e o 3º é ainda melhor..... eheheheh

    q bom q gostou....

    bjs

    ResponderExcluir
  2. Poxa, Dani gostei mesmo, mt booom
    E sim, agora eu sou fã da Elena do livro!!! Adorooo rsrs

    ResponderExcluir
  3. Muito boa a resenha!! Adoooro a série Diários do Vampiro, tanto em livros quanto na tv. Já li 'O Confronto' e 'A Fúria' também, e ambos os finais são surpreendentes!

    Bjusss
    http://viciadospelaleitura.blo.../

    ResponderExcluir
  4. Obrigadaa ^^
    Eu quero começar "A fúria" mal posso esperar!!!

    ResponderExcluir
  5. Nossaaa, adorei a resenha. Adoro a série! Nunca me interessei pelos livros antes até agora. :*

    ResponderExcluir
  6. Nossaaa, adorei a resenha. Adoro a série! Nunca me interessei pelos livros antes até agora. :*

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...